Home / Policial / Jovem sequestrada em Trindade é encontrada morta na Serra do Araripe no município de Crato-CE

Jovem sequestrada em Trindade é encontrada morta na Serra do Araripe no município de Crato-CE

Blog do Bruno MoraisNa tarde de domingo (22) uma mulher  foi localizada sem vida as margens da CE-384, a cinco quilômetros do posto do IBAMA na floresta nacional do Araripe, município do Crato, no Ceará. De acordo com o Sargento Jackson, da Polícia Rodoviária Estadual, caminhoneiros que transitavam pela rodovia informaram ter visto um corpo do sexo feminino próximo à estrada, o que foi confirmado por uma patrulha da PRE que se deslocou até ao local.

Os militares comunicaram o fato a CIOPS Crato que por sua vez acionou a perícia forense, que compareceu ao local através de uma equipe coordenada pelo perito Antônio Barbosa. Após realizar os exames periciais preliminares constatou que a jovem foi assassinada na manhã de sábado com dois tiros de espingarda calibre 12, um na face e outro no pescoço, além de outro tiro de uma arma de menor calibre na face esquerda.

De acordo com a polícia, o corpo era de uma mulher ainda jovem, de cor branca, estatura mediana, cabelos pintados de vermelho, trajando uma blusa de cor azul, short e calçando uma sandália de cor amarela. O corpo foi levado para necropsia no Núcleo de Perícia forense (Antigo Instituto Médico Legal-IML) Regional do Cariri em Juazeiro do Norte, onde  familiares compareceram  na madrugada desta segunda-feira (23) e reconheceram o corpo de Maria Letícia Miranda de Andrade, de 19 anos, que residia na cidade de Trindade e foi sequestrada no início do final de semana por indivíduos não identificados em um carro de cor preta.

Após a necropsia, o corpo foi entregue a família que fez o traslado para o município de Trindade. De acordo com a polícia, a autoria do crime ainda é desconhecida. (Informações: Jota Lopes/Blog do Nilson Macedo/Blog do Bruno Morais)

3 COMENTÁRIOS

  1. Caro blogueiro, não entendi bem a informação postada sobre o tempo de morte da referida pessoa, quando diz que havia sido assassinada no sábado pela manhã e no final da reportagem familiares informam que ela havia sido sequestrada no sábado a noite.

  2. é que ela ja estava sentenciada

Deixe uma resposta

Topo